6º TEMA: RESSURREIÇÃO

INTRODUÇÃO

Vamos estudar hoje: explicação sobre este Curso, definição de ressurreição, ressurreição de salvos e perdidos, quando será e como será, os detalhes, e como viveremos depois.

1) DEFINIÇÃO DE RESSURREIÇÃO

Deus nos criou para vivermos eternamente. O pecado trouxe a morte como salário (Rm. 6:23). Porém Deus criou a ressurreição e todo Homem terá de viver eternamente como Deus determinara. Morte significa ausência de vida. Ressurreição é depois de morto voltar a viver. A Bíblia nos fala de dois tipos de ressurreição: material para o material e material para o espiritual. A ressurreição para a vida material como ocorreu com Lázaro (Jo 11:38-45), depois volta a morrer.

Já a ressurreição do material para a vida espiritual como ocorreu com o Senhor Jesus, nunca mais morrerá, mas é para viver na eternidade de Deus para sempre (I Co. 15:20 e v. 23; Rm. 6:9; Ap. 1:10-18). Esta é a ressurreição que vamos estudar hoje. Quando nos arrependemos e pela fé cremos em Jesus Cristo, somos salvos por inteiro; espírito, alma e corpo (Jo 19:30).

Nosso espírito nasce de novo e nos tornamos filhos de Deus. Nossa alma é liberta pelo poder da Palavra de Deus. A salvação do corpo é a ressurreição em corpo espiritual santo e de glória, também chamada na Bíblia de redenção ou bem-aventurada esperança, mas só a receberemos no dia do Arrebatamento da Igreja. Este é o ato final e complementar da nossa salvação (Lc. 21:28; Rm. 8:22-23; Tt 2:13).

2) RESSURREIÇÃO DE SALVOS E PERDIDOS

 Toda pessoa humana vai ressuscitar, tanto salvos como perdidos. A Bíblia chama de “primeira ressurreição” a dos salvos, e “segunda ressurreição” a dos perdidos. Ninguém ressuscitará duas vezes. Os salvos ressuscitarão em corpo espiritual santo, glorioso, de gozo eterno, igual ao dos Anjos (Mt. 22:30), semelhante e conforme o atual e glorioso corpo de Jesus, e habitaremos para sempre na glória do Céu (I Jo 3:2; Fl. 3:20-21).  Os perdidos que já estão no Inferno só ressuscitarão no Juízo Final, quando os Céus e a Terra forem destruídos e criados novos Céus e nova Terra sem pecado (Ap. 21:1). Os perdidos ressuscitarão em corpo espiritual macabro, diabólico, de tormento eterno. Serão lançados com o Diabo no lago de fogo que é pior do que o Inferno, e é chamado de segunda morte ou galardão da iniquidade (Ap. 20:5-6; Ap. 20:10-15; Jo 5:25-29; Dn. 12:2).

 3) QUANDO RESSUSCITARÃO OS SALVOS

Será muito breve (I Ts. 4:15-17; João 14:2-3). Porém dia e hora ninguém sabe (Mt. 24:36-44). A Bíblia diz que será em meio a Grande Tribulação, cumprindo-se a seguir todos os grandes flagelos registrados em Apocalipse. Os salvos ressuscitarão no Arrebatamento da Igreja. A Bíblia ensina que vários sinais precederão o Arrebatamento da Igreja e a ressurreição dos salvos, e todos já se cumpriram. Dan. 12:4 fala da multiplicação da ciência no tempo do fim. Os capítulos 24 de Mt. e 21 de Lc. falam de tudo de ruim que hoje acontece. Jesus está voltando.

  1. A)O SINAL MAIS IMPORTANTE E DETALHES:A Nação de Israel era dominada pelo Império Romano desde 63 a. C., e continuou sem independência até 1948 quando foi recriada pela ONU. Isto aconteceu porque rejeitaram Jesus (Mt. 27:24-26). Em Lc. 21:29-33 Jesus fala da figueira que é um símbolo da Nação de Israel; e Jesus disse que quando florescesse, não passaria esta geração sem que Ele voltasse. Existem várias interpretações sobre esta geração de que Jesus falou.

Eu creio, e a maioria dos estudiosos da Bíblia crê assim também, que Jesus falou da geração que havia de ver os sinais se cumprirem, e para mim são os nascidos a partir da guerra dos 6 dias de 1967, quando Jerusalém passou a ser a capital de Israel (antes era Tel-Aviv). “Quando em Israel disserem há paz e segurança, então, lhes sobrevirá repentina destruição” (1a Tes. 5:3). Logo começará grande guerra e a guerra do Armagedom (Ez. 38 e 39; Ap. 16:12-16) e Jesus estará chegando.

O no 6 é do Homem, o 7 é de Deus. A guerra que restaurou Jerusalém como a capital de Israel, começou no dia 7 do mês 6 de 1967 e durou 6 dias. Aqui temos 3 vezes o 6 que é no do homem e 2 vezes o 7 que é no de Deus. Em 6 dias criou Deus o Céu e a Terra. Creio, profeticamente, que cada dia corresponde a mil anos. Deus deu ao Homem, para cada dia da criação, mil anos. Assim, 6 dias = 6 mil anos, para o Homem governar a Terra e este tempo está chegando ao fim. 6 dias trabalharás e no 7o descansarás. Jesus é o nosso 7o dia, isto é, o nosso descanso. No 7o Milênio, Jesus vem para reinar sobre toda a Terra e resolver todos os problemas da humanidade. Virá, porém, um pouco antes ressuscitar os salvos e arrebatar a Igreja.

Israel restaurada como Nação e com a capital em Jerusalém é o sinal mais importante para a volta de Jesus. Jerusalém é o relógio de Deus e o palco de todos os acontecimentos para o Mundo. A figura abaixo mostra que alguém tenta impedir que chegue a meia-noite dos tempos, o ponto mais alto das trevas espirituais (Mat. 25:6). Porém a Palavra de Deus se cumprirá. Jesus vem muito breve.

  1. B)SIGNIFICADO DE ALGUMAS PALAVRAS:

Jesus = Salvador e Libertador.

Cristo = Ungido e enviado de Deus.

Evangelho = Boas novas de salvação (de tudo).

Judeu = Adorador de Deus.

Emanuel = Deus conosco.

Israel = Príncipe de Deus ou Separado para Deus.

Jerusalém = Cidade da paz, cidade da luz, cidade do grande Rei Jesus.

Nota: o sublinhado no final das três palavras indica o nome de Deus em hebraico. “Obs. oremos pela paz de Jerusalém e seremos prósperos (Sl. 122:6). Abençoemos os judeus e seremos abençoados (Gn. 12:3)”.

Estrela de Davi, a esquerda, que é usada na bandeira de Israel, é um símbolo da Nação, que aponta para o Reino de Cristo na Terra, no Milênio.

4) COMO RESSUSCITARÃO OS SALVOS

Jesus descerá lá do Céu com um cortejo de Anjos em glória e poder, trazendo consigo do Céu todos os que já morreram salvos e parará nas nuvens (I Ts. 3:13; Mt. 16:27). Veja a cena pela fé: das nuvens Jesus dá a ordem da ressurreição a todos os corpos dos salvos que estão enterrados em todo o Mundo ou que acabaram de morrer. O Espírito Santo, que é vida e poder, opera então a ressurreição, transformando o que era material em corpo espiritual santo e glorioso, unindo-o ao espírito do Homem nas nuvens, fazendo do Homem um todo espiritual (I Ts. 4:14 e 16; II Ts. 1:7-10).

A seguir ocorre o Arrebatamento dos salvos vivos em todo o Mundo. Os que vão ser arrebatados não conhecerão a morte, mas terão seus corpos transformados em corpos espirituais santos e gloriosos. Será num abrir e fechar de olhos, numa fração de segundo e subirão ao encontro de Jesus nas nuvens (I Ts. 4:15 e 17). Das nuvens subiremos todos em festa e glória para as Bodas do Cordeiro no Céu. Esta é a fase final que completa a salvação com a ressurreição do nosso corpo (I Co. 15:42-44 e versos 50 a 55). É a nossa união eterna com Cristo (Jo 14:23).

5) PREPAREMO-NOS PARA SUBIR

É bom lembrar que nem todos os salvos serão arrebatados. Mat. 25:1-13 diz que só a metade participará. Mc. 13:32-37 e Lc. 21:34-36 ensinam: olhar, vigiar e orar. Olhar o que acontece em Israel e Jerusalém, e como isto envolve o Mundo.

Vigiar o nosso coração, os nossos pensamentos e adequar a nossa vida aos padrões do Evangelho. Orar para termos comunhão com Deus e estarmos apercebidos desse momento.

Devemos estudar profundamente a Bíblia e orar, porque o Anjo de Deus prepara-se para tocar a trombeta, e Jesus virá nos arrebatar. Só assim receberemos o grande galardão que é o Arrebatamento.

6) COMO VIVEREMOS DEPOIS

Após a ressurreição e o Arrebatamento todos seremos glorificados (Fl. 3:20-21; Rm. 8:17-18).Deus nos dará da sua glória. Toda a Terra estará debaixo dos flagelos da Grande Tribulação descritos em Apocalipse. São os Juízos de Deus sobre toda a incredulidade e pecado da humanidade. Nós, porém, estaremos na glória dos Céus, na grande festa das Bodas do Cordeiro que durará cerca de três anos e meio. Jesus é o noivo e a Igreja é a noiva (Ap. 19:7-9).

Após este período voltaremos com Jesus e os Anjos para acabar com a Grande Tribulação, e implantar na Terra o Milênio de paz. Jesus reinará de Jerusalém sobre toda a Terra e nós reinaremos com Ele mil anos (Ap. 20:6). Depois do Milênio vem o Juízo Final. Os Céus e a Terra serão destruídos e tudo será feito novo. Acabam o pecado e a morte (I Co. 15:26 e versos 54 a 55; Ap. 20:14; 21:1; II Pd. 3:7 e v. 10). Nós viveremos para sempre em gozo eterno na nova Jerusalém Celestial, na glória e na eternidade de Deus, servindo-O e adorando-O, Amém (Ap. 21:1-4).

CONCLUSÃO

A primeira ressurreição é a dos salvos. Os mortos salvos ressuscitarão e nós os salvos vivos seremos transformados no dia do Arrebatamento da Igreja. Receberemos um corpo espiritual santo e glorioso para viver eternamente. Isto será num abrir e fechar de olhos. Subiremos com Cristo para a glória dos Céus. Participaremos das Bodas do Cordeiro.

Reinaremos com Cristo na Terra mil anos. Para sempre estaremos com o Senhor na Nova Jerusalém Celestial servindo-O e adorando-O. Preparemo-nos porque isto acontecerá muito breve.

Responda Questionário F3

Tenha vitorias em Cristo.